quinta-feira, 20 de março de 2014

Polícia prende homem acusado de vender armas e munições na cidade de Queimadas

A Polícia Militar, por meio do 2º Batalhão, realizou a prisão em flagrante de Antônio Ferreira Marinho, de 41 anos, que é acusado de vender armas e munições na cidade de Queimadas, localizada no Agreste paraibano.


Ele foi preso no fim da tarde desta terça-feira (18), no momento em que estava vendendo munições para o ex-presidiário Leandro Minervino Silva, de 28 anos, que já cumpriu pena por roubo a banco.

O esquema de venda ilegal foi interceptado pelos policiais na frente da casa do suspeito, onde foram apreendidas duas espingardas, um rifle e 318 munições de calibres 12, 38 e 22.

Além do material bélico, os policiais ainda encontraram na residência um uniforme do Exército brasileiro, que vem sendo usado com frequência por bandidos como disfarce em assaltos a agências bancárias.

De acordo com o comandante do 2º BPM (Campina Grande), tenente-coronel Lívio Delgado, a ação foi realizada após a polícia receber a denúncia de que o ex-presidário estaria indo comprar as munições ao suspeito.
“Já havia informes sobre a atividade ilícita do suspeito na cidade, mas como a população tinha medo dele, não tínhamos ainda conseguido saber o local exato onde ele vendia as armas e munições. Nesta terça-feira recebemos a denúncia de que aconteceria essa compra, montamos uma campana e conseguimos prender em flagrante o acusado e um dos compradores do produto”, detalhou.

Os suspeitos foram levados para a central de polícia civil, em Campina Grande. A polícia vai investigá-los para saber se tem mais envolvidos no esquema de vendas das armas e também se eles fazem parte de uma quadrilha envolvida com crimes na região.
Fonte: Secom/PB

Nenhum comentário:

Postar um comentário