segunda-feira, 16 de outubro de 2017

Acidente na BR-412 faz três vítimas fatais naturais de Serra Branca e Taperoá

Uma grave capotagem de um veículo Etios Sedan na BR 412 deixou um saldo de duas pessoas mortas, entre elas uma criança de 7 anos de idade. O acidente ocorreu próximo a entrada do sítio São Joãozinho e as vítimas foram provavelmente o professor universitário Pedro Germano Antonino e o filho de sua companheira de apenas 7 anos de idade.

As informações são de populares que passaram pelo local, pois a polícia até o fechamento desta matéria não conseguiu localizar os documentos das vítimas. De acordo com informações apuradas, o acidente teria sido provocado após Pedro Antonino tentar desviar de uma moto que apareceu na pista e ter capotado várias vezes.

Ainda no acidente, duas mulheres que estavam no carro tiveram fraturas. Uma teve ferimentos na mão e a outra seguiu em estado grave com forte pancada na cabeça. Ambas foram levadas para o Hospital de Trauma de Campina Grande.

Segundo informações, a jovem estudante Suênia Verissimo, umas das mulheres, não aguentou os ferimentos e faleceu em Campina Grande. Suênia era natural de Taperoá e morava em São José dos Cordeiros.

Suênia estava indo de carona para Bananeiras onde fazia curso no campus da UFPB.


Com informações: De Olho no Cariri e Cariri em Ação

Nenhum comentário:

Postar um comentário