segunda-feira, 14 de abril de 2014

Estuprador Leônio vai para o PB 1 ; Secretário disse que não houve facilitação na fuga



Leônio Barbosa de Arruda, de 24 anos, foi recapturado por agentes penitenciários no sítio Salgado, município de Caturité, no cariri, na manhã desde domingo (13/04), após um cerco.

Ele não reagiu e se entregou. O estuprador e assassino estava foragido desde a noite de 03 de abril, quando pulou o muro do Presídio. Imagens divulgadas mostram Leônio caminhando no pátio do Presídio Provisório.

Em seguida ele desaparece da tela e outra câmara flagra o estuprador pulando o muro. Imagens também mostram um agente penitenciário saindo de uma sala quando percebe que o preso fugiu. Em seguida os agentes abrem o portão e dão alguns tiros de alerta.

O secretário da Administração Penitenciária, Válber Virgolino, garantiu que não houve facilitação da fuga.

Leônio trabalhava na cozinha com outros presos. “Ele tinha um bom comportamento e por ser considerado um preso de risco não poderia ficar junto com a grande maioria dos detentos.”

O maníaco estuprou e matou a adolescente Ana Alice Valentin em setembro de 2012, em Caturité. Em outubro do mesmo ano ele foi preso. Leônio é acusado de outros dois estupros.

O estuprador disse que durante o tempo em que ficou escondido, só comeu um biscoito e uma fatia de bolo e um “pedaço” de rapadura.

Ele foi transferido na tarde desta segunda-feira (14/04) para o presídio de Segurança Máxima, PB 1, em João Pessoa.

Por Renato Diniz

Nenhum comentário:

Postar um comentário