domingo, 17 de agosto de 2014

Treze perde de 3 x 0 para o ASA de Arapiraca

Ídolo no alvinegro, treinador faz reestreia com o pé direito no Municipal e consegue fazer o Fantasma respirar na Série C

O técnico Vica iniciou sua “nova era” no ASA com o pé direito. Em sua estreia, o alvinegro fez uma bela partida contra o Treze e aplicou 3 x 0, encerrando o jejum de seis partidas sem vencer na noite de domingo (17), no Estádio Municipal, válido pela 11ª rodada da Série C.

No primeiro tempo o duelo era bem movimentado. Logo aos 4 minutos, Didira ajeitou a cobrança de falta para o lateral Thallysson, que arriscou o chute e acertou o ângulo de Gilson, colocando o Fantasma na frente. O ASA estava empolgado e queria mais, tentava pressionar o adversário, mas sem assustar. Em seguida o Galo da Borborema queria reagir e foi para cima, mas a defesa alvinegra conseguia se sobressair ao ataque dos paraibanos. O Fantasma atuava com muita velocidade quando saia para o ataque, mas com a boa marcação do Treze, era impedido de ampliar o placar.

O jogo seguiu equilibrado e atrativo, apesar de que ambas as equipes finalizavam com pouca frequência, no caso do time paraibano porque errava muito os passes na frente, facilitando o contra-golpe do ASA. Aos poucos o Treze ia crescendo, passou a ficar mais tempo no seu campo ofensivo e tava dando trabalho à defensiva do alvinegro. Só que foi aos 35’ que o ASA marcou mais um, quando Wanderson fez jogada individual, chutou cruzado, e Alex Henrique chegou na bola para desviá-la e completar para o fundo da rede. Na reta final da etapa o confronto voltou a ficar equilibrado, um pouco mais morno, mas com vitória parcial do time alagoano.

Segundo tempo
A partida voltou mais pegada do que antes, e consequentemente muitas faltas eram cometidas pelos dois times. Mesmo no prejuízo, o time paraibano até que tentava correr atrás para ao menos diminuir o placar, só que o ASA sabia neutralizar o setor ofensivo do adversário e ia administrando o resultado sem pressa. Como estava satisfeito, o Fantasma parecia ter deixado de ter o interesse de fazer mais um gol, e desde então praticamente só queria gastar o tempo para sair vitorioso.

Mesmo se fingindo de “morto”, o ASA acordou aos 25 minutos. Wanderson foi lançado por Didira, e na cara do gol ele driblou Gilson e mandou para a rede, marcando o terceiro do alvinegro. Jogando com inteligência, o time alagoano não sofria nenhum perigo e merecia sair com os três pontos. Segurando o adversário com qualidade e tranquilidade, o time de Arapiraca levou a melhor e fez valer o mando de campo.

Como fica
Com o marcador mostrando 3 x 0, a equipe alvinegra se afasta um pouco da zona de rebaixamento, saltando agora para 6º lugar com 12 pontos, quatro a mais que os integrantes do Z2 e quatro a menos que a primeira equipe do G4. Na próxima rodada o ASA recebe o Paysandu no dia 24, novamente no Estádio Municipal.

Outros jogos da 11ª rodada do grupo A: Cuiabá 1 x 1 Fortaleza, Botafogo-PB 1 x 0 CRAC, Salgueiro 1 x 0 Águia/ segunda-feira, 21h30: Paysandu x CRB

Ficha Técnica
Campeonato Brasileiro Série C 2014 - 11ª Rodada
Jogo: ASA 3 x 0 Treze
Gols: ASA- Thallysson aos 4’, Alex Henrique aos 35’ do 1T, e Wanderson aos 25’ do 2T
Local: Estádio Municipal, Arapiraca-AL
Data: 17/08 (domingo)
Hora: 16h
Árbitro: Antonio Rogério Batista do Prado (CBF-SP)
Auxiliar 1: Ricardo Aragão Lima de Melo (CBF-SE)
Auxiliar 2: Eric Nunes Costa (CBF-SE)

ASA:
1- Pedro Henrique
2- Tiago Baiano (3-Leandrinho, aos 34’ do 2T)
3- Micael
4- Rodrigão
6- Thallysson         
7- Cal
5- Lucas (21-Jorginho, aos 18’ do 2T)
8- Michel
19- Didira
10- Alex Henrique (17-Marlon, aos 30’ do 2T)
11- Wanderson
Técnico: Vica
Banco ASA: 12-Marcão, 13-Leandrinho, 14-Romano, 15-Marco Tiago, 16-Rafael Gava, 17-Marlon, 18-Alan Pinheiro, 20-Natan, 21-Jorginho, 9-Tiago Cavalcanti

Treze:
1- Gilson
2- Osmar
3- Oliveira
4- Pitty
6- Fernandes
5- Charles Vagner
8- Jardson Sapé (17-Leanderson, no intervalo)
10- Jonathan (18-Birungueta, aos 37’ do 2T)
11- Jean Carioca (19-Leandro Santos, no intervalo)
7- Leandrinho (expulso aos 50’ do 2T)
9- Bruno Aquino
Técnico: Givanildo Oliveira
Banco Treze: 12-Éder, 14-Alisson Santa, 15-Guto, 16-Bruninho, 17-Leanderson, 18-Birungueta, 19-Leandro Santos, 20-Luciano, 21-Hélio Paraíba.


Nenhum comentário:

Postar um comentário